quinta-feira, 30 de maio de 2013

A SALVAÇÃO DOS ATEUS PELO PAPA FRANCISCO...

Embora eu não esteja escrevendo constantemente sobre o Papa Francisco e suas atividades, isso não quer dizer que não esteja atento a seus movimentos.
Realmente, ele é uma pessoa “peculiar”.
Como líder da Igreja Católica, achei, no mínimo, um “tiro no pé” sua declaração no último dia 22 de Maio de que até mesmo ateus são salvos...
Por boas obras!
Se assim for, poderia mandar fechar o Vaticano... afinal, não é mais necessária nenhuma prática religiosa, para a salvação, segundo seu interessante raciocínio...
Carpediem!
Bem, mas vou tomar a liberdade de publicar o texto de David R. Reagan, do Ministério “Lamb & Lion”, comentando e rebatendo biblicamente a posição papal, pois foi através dele que tomei contato com esta espantosa declaração do pontífice, a qual não tinha visto ainda...
Segue a tradução abaixo, com dois comentários adicionais meus entre parênteses, bem como meus destaques em negrito e itálico...

O Papa Francisco disse que os ateus são salvos?
Por Dr. David R. Reagan
Fundador e Diretor de Lamb & Lion Ministries

No dia 22 de Maio ultimo, o Papa Francisco chocou o mundo quando, em sua homilia, declarou que os ateus poderiam ser salvos se fizerem boas obras, por que Jesus morreu por todos...
Sua espantosa declaração, foi, sem dúvida, não bíblica. Ela viola dois princípios bíblicos fundamentais. (E eu, Haroldo, acrescento, viola a própria bíblia católica).
O primeiro é que a Bíblia afirma claramente que a salvação é pela graça, por meio da fé, e não por obras (Efésios 2:8-10).
O segundo é que a salvação depende da fé em Jesus como o único Senhor e Salvador. Jesus mesmo disse "E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, como o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, aquele que tu enviaste." (João 17:3).
Portanto é impossível alguém ser salvo por boas obras, e é igualmente impossível ser salvo sem fé em Jesus. Na verdade, o próprio Jesus declarou, "Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por Mim" (João 14:6).
É verdade que Jesus morreu por todos (I João 2:2), mas também é verdade que seu sacrifício remidor precisa ser apropriado individualmente, quando alguém deposita a sua fé nEle, como Senhor e Salvador (João 3:16).
Quarenta e oito horas depois do Papa Francisco fazer esta observação chocante, o Vaticano tentou esclarecer suas afirmações, através do porta-voz oficial, um padre chamado Thomas Rosica.
Ele disse que as pessoas que conhecem a Igreja Católica sabem que não podem ser salvos quando se recusam a entrar ou permanecer nela. Assim, a declaração antibíblica do Papa foi "corrigida" por outra, igualmente antibíblica, pois ninguém pode ser salvo por ser membro de uma igreja.
A Salvação não pode ser encontrada em uma organização como a Igreja Católica Romana (nem na igreja evangélica ou qualquer outra, grifo meu, Haroldo).
Muito pelo contrário.
A salvação segundo a Bíblia, é encontrada em uma pessoa - o Messias – a quem Deus enviou para morrer por nossos pecados, e cujo Nome é Jesus de Nazaré.
Um comentarista irlandês sobre o Vaticano, Cahir O'Doherty, escreveu: "isso se torna em um interessante espetáculo, ver o papa infalível sendo corrigido por um de seus "cuidadores", não é mesmo?"...
E ele acrescentou: "Se eu fosse o Papa Francisco, contrataria um provador para minha comida o mais rápido possível"...
Se ateus podem ser salvos por fazerem boas obras, qual o propósito da Igreja?
E mais, por que Jesus teria vindo para a terra, para experimentar o horror da Cruz?
É dolorosamente óbvio que o Papa Francisco precisa começar a ler a sua Bíblia com mais constância...

By Dr. David R. Reagan
Founder & Director, Lamb & Lion Ministries

Aqui acaba o artigo do Dr. David...
Bem amigos aqui do Blog, além do ecumenismo, e do diálogo inter-religioso, podemos incluir que até mesmo os ateus farão parte, eventualmente, da religião universal que virá.
E que já é chegada... seus fundamentos estão diante de nossos olhos.
Interessantes conceitos...
Parafraseando: Cada um faça o que quiser, creia no que quiser, siga as práticas conforme bem entender... E no fim, todos serão salvos, todos irão para o mesmo lugar, todos serão recebidos por Deus. Todos são seus filhos. Mesmo os que zombaram dele a vida inteira, mesmo os que O ignoraram todos os dias de suas vidas... ou ainda, desobedeceram tudo ou quase tudo o que Ele registrou em Sua Palavra... ignoraram a Sua Vontade.
Seja sincero... isso faz algum sentido para você?
Sinceramente, claramente, é um absurdo!
Mas, combina com os dias do fim...
Apostasia e uma religião única...
Uma combinação explosiva.
Você não vê?
Veja os sinais!

Shalom!

Haroldo Maranhão

6 comentários:

  1. Muito próximo do "Do as thou wilt" ("faça como desejar", tradução livre)do satanista Aleister Crowley resumindo a "Lei" dos ocultistas.

    Infelizmente, muito próximo também das falácias teológicas de Roby Bell em seu livro "Love Wins" e das bobagens de "A Cabana".

    1 Pedro 1:19 urgente !

    ResponderExcluir
  2. Meu caro, o Papa não disse "faça o que quiser que a sua salvação está garantida". O Papa disse "podem ser salvos os que fazem boas obras". Olhe meu amigo, você, com essa conversa bíblica toda muito bem afinada, toda muito ortodoxa, não se está a revelar totalmente um homem de boas obras. Cuide bem portanto da sua salvação. Assim, não está no bem caminho. Estarei eu, que sou ateu, mas que tento estar sempre no caminho do bem, ajudando o próximo. Considero-me dos que "fazem boas obras" e achei muito bem que o Papa Francisco, um homem simples e bom, me inclua dentro dos seus eleitos. Cuidado que você está-se a empurrar para fora dos que não terão salvação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não somos ninguém para dizer, quem é salvo e quem não é.
      Apenas falamos o que a palavra de Deus fala, representa.
      Como pode alguém ser salvo em não Acreditar em Cristo e muito menos em Salvação, caso se arrependa tudo bem, mais não acredita.
      Certo, Porque, assim como o corpo sem o espírito está morto, assim também a fé sem obras é morta. Tiago 2:26
      Porém como agradar a Deus sem Fé ?
      D'us não é D'us de confusão.
      Não sei como agradar a Ele deste jeito, então por favor me ensine.

      Meu irmão Haroldo, esse homem que se intitula de papa, precisa reler a palavra de D'us e falar coisas coerentes com a sua Tal Sagrada Religião.
      Pois por causa desta igreja, todos passam a brigar por religiões. Seguimos o evangelismo (Povo Separado), porém que religião SALVA (nunca).

      Excluir
  3. Caro Haroldo, creio que o Papa pode estar errado diante da bíblia. Mas você não acha que todo ser humano merece uma segunda chance? Por que ao invés de simplesmente enviar pro inferno aqueles que não acreditam, Deus não tenta convencê-los com q sua graça? Ele não é o Deus do impossível? Ele não nos ama acima de tudo? Por que ele não tenta até o ultimo segundo, trazer seu imenso amor ao coração de um ateu ignorante? Se o amor dele é maior do que o de uma mãe por um filho, não concorda que ele aceitaria os ateus? Você, se tivesse um filho, se ele não acreditasse em você, se ele não te obedecesse, se ele só fizesse coisa errada, e no final viesse implorando pelo seu carinho você ia negar isso a ele? Se Deus é assim, entao o amor dele por nós não chega a ser maior do que tudo que existe. É nisso que eu acredito, e sim, sou católica. Abraços

    ResponderExcluir
  4. SER ATEU NO BRASIL
    VIVA JESUS!

    Bom-dia! queridos irmãos.

    Alguns ateus como, por exemplo, o ator Gregório Duvivier, reclamam da complicação de ser ateu num país religioso como o Brasil. Logo que alguém se declara ateu, ou na própria expressão que estão utilizando "sai do armário" é visto de maneira pejorativa em nosso país, como se tivesse uma doença contagiosa.
    Questões assim não são aplicadas apenas aos ateus, mas, sim as minorias de um modo geral. Os homossexuais também padecem com esse preconceito que não para por ai e bate forte nas mulheres, nos pobres, negros, nordestinos e etc. Atrevo-me a dizer que os grupos desprovidos de força, seja econômica, social ou quantitativa são os mais marginalizados. Vale salientar que essas minorias podem não obedecer a ordem quantitativa.
    Creio, aliás, que a discussão sobre alguém ser ateu, homossexual, negro ou torcer para o Corinthians estão em campo secundário e tornam-se temas principais de nosso debate por conta de nossa inferioridade. É pura perda de foco do que é, realmente, nosso principal objetivo neste mundo.
    Portanto, deveria importar pouco a orientação sexual ou religiosa de um indivíduo.
    Não nos cabe aqui qualquer julgamento, como se nossa forma de proceder fosse a mais adequada.
    Há problemas sérios a serem combatidos, mas que desprezamos porque nosso foco está em questões que, sinceramente, em nada contribuirão.
    Sejamos francos:

    Quê importa se alguém e ateu? O que isso muda na vida da sociedade? Quantos pobres deixarão de existir por isso? Aumentou o número de indivíduos alfabetizados? Diminuiram-se as chacinas que ocorrem todos os dias? Houve um “upgrade” espiritual de modo que iremos respeitar o próximo por conta disto?
    Observe que todas as respostas acima são negativas.
    Em realidade ser ateu ou não muda pouco as coisas. O que modifica mesmo são as atitudes do indivíduo em relação a ele próprio e o meio em que está inserido.
    Mais vale ateus com caráter do que beatos corruptos. E, convenhamos, Deus não se ofende se acreditam ou não NELE. Estamos falando do absoluto, do Criador, da Inteligência Suprema... Quem se aborrece nas questões pertinentes a crença somos nós, Espíritos ainda imperfeitos, mas jamais Deus...
    Vou parafrasear a inesquecível Dra. Elisabeth Kübler-Ross: Deus se sairá bem dessa! Pode crer, ateus e religiosos, Deus se sairá bem dessa descrença...
    Afinal, é Deus..

    Wellington Balbo

    Clique aqui para ler mais: http://www.forumespirita.net/fe/accao-do-dia/ser-ateu-no-brasil/#ixzz4Xj9jRyoi



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Wellington Balbo,
      Lamento que você não tenha, pelo menos, lido o texto. Na verdade, você publicou um texto seu, sobre as lutas das supostas minorias e sobre a busca por um mundo melhor, sobre o que não falei.
      Escrevi uma crítica à decisão do Sr. Francisco em propor salvação aos ateus, o que não faz sentido algum, pois, já que Deus não existe, eles não querem nem precisam ser salvos.
      Sr. Francisco foi desmentido por um padre em seu projeto de salvação.
      Aliás, não há do que um ateu ser salvo, pois se nem há um Deus salvador, a iniciativa do Sr. Francisco é inútil.
      Deus abençoe com revelação.
      Abraço,

      Haroldo Maranhão

      Excluir