segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

E OS VULCÕES HEIN?


No dia dezoito de Janeiro, sim, há apenas dez dias atrás, o site Extintion Protocol que acompanho há quase três anos, destacou algo que já estava meio fora do normal naqueles dias...
Dez vulcões em início ou reinício de atividade simultaneamente...
Se você lê inglês, confira o texto clicando aqui.
Aliás, todos os links hoje dão para textos em inglês, mas este post é auto explicativo pelos resumos que apresento e, lógico, pelas fotos...
Mas a coisa não parou ali...
Dia vinte, um reforço na informação...
Com a observação de que mais atividade prosseguia aumentando.
Veja o novo texto clicando aqui.
Mas, no dia seguinte, o vulcão chileno apontava em uma direção que, a meus olhos, parece clara...
Veja o texto aqui.
Veja abaixo o vulcão Villarica do Chile novamente demonstrando atividade após seis meses...












O mesmo aconteceu com o vulcão de Monte Tongariro, da Nova Zelândia, retomando atividades no dia seguinte, após quase oito meses.
Veja aqui...
E a foto abaixo...












Dia seguinte, o Tarvurvur da Nova Guiné, após um ano sem atividades... a anterior em 2009...
Foto abaixo...




















Kilauea no Havaí...















Pueyuhue-Cordon Caulle no Chile... no dia 22... foto aqui abaixo...















Kamchatka na Rússia, onde três vulcões... estão ativos...
Vários terremotos tem acontecido nesta região de forte atividade sísmica...
O Kizimen voltou a atividade em 2009, e sua última erupção, antes disso, aconteceu em 1928.
O Plosky Talbacheck,  desde 1975.














O White Island na Nova Zelândia, com sua atividade mais forte há décadas...
















Dez terremotos vulcânicos no vulcão Taal, das Filipinas, ainda no dia 22 de Janeiro! 














Copahue do Chile, no dia 23...












Dia 26, um reforço da informação de que há um aumento em curso da atividade vulcânica em diversos lugares no mundo...













Dia 27, o relato do aumento da atividade dos vulcões no Equador...












Até que hoje, o Batu Tara na Indonésia...












E este na região de Kanchatka...
Também hoje...














Bem, como você pode ver, algo não está normal.
Embora não seja um assunto que eu domine, posso dizer que nos últimos 3 anos em que tenho observado diversos sinais, asseguro que nunca vi tantos vulcões em atividade simultaneamente.
Este aumento não é de hoje, mas tenho observado desde o final de 2011...
Por este motivo, em novembro de 2011, perguntei se "todos os vulcões do mundo tinham acordado"...
Por que isso é importante para o cenário profético?
Altamente auto explicativo, o aumento de atividade vulcânica em tantos lugares não é algo comum, pelo menos ao longo de tudo o que vi ao longo de minha vida...
Mas pensando no cenário profético, a Bíblia diz que o Dia do Senhor, entre outras coisas, é um dia de trevas, de nuvens, de trevas, de fumo...
Alguns especialistas dizem que se apenas o vulcão de Yellowstone entrasse em erupção, a terra poderia viver uma nova mini era glacial, pois as trevas envolveriam toda a atmosfera...
Por que eu acompanho vulcões?
Porque uma forma de entender o cenário dos dias da tribulação, que envolvem trevas, podem apontar justamente para a atividade vulcânica como um sinal antecedendo o Dia do Senhor...
Contribuindo para as densas trevas daquele dia...
Será que esta atividade é mais um sinal que estamos nos aproximando daquele Dia?
Vou continuar acompanhando por aqui...
Se você quer saber o que é sério para você acompanhar, é esta pequena lista de vulcões...
1. Já li sobre algum receio no Japão do Monte Fuji estar, aparentemente, com alguma atividade sísmica... o que seria muito sério...
2. O El Hierro, nas Ilhas Canárias, que já esteve em ameaças, já teve ilhas evacuadas, e tudo o mais, que é muito sério...
3. O gigantesco vulcão Katla, na Islândia que já esteve dando sinais sérios de atividade...
4. Claro, Yellowstone...
A meu ver, o maior problema acerca dos vulcões é que as notícias não saem em qualquer lugar...
Vou continuar pesquisando...
E acompanhando...

Veja os sinais...

SHALOM!

Haroldo Maranhão

JESUS, A VERDADE!


"Mas, se ainda o nosso evangelho está encoberto, é naqueles que se perdem que está encoberto, nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, o qual é a imagem de Deus. Pois não nos pregamos a nós mesmos, mas a Cristo Jesus como Senhor; e a nós mesmos como vossos servos por amor de Jesus. Porque Deus, que disse: Das trevas brilhará a luz, é quem brilhou em nossos corações, para iluminação do conhecimento da glória de Deus na face de Cristo".
II Coríntios 4:3-6
 Há uma igreja vitoriosa profetizada, que está sendo constituída por Deus para ser vitoriosa, e mais do que isso, ser, principalmente, A Noiva do Cordeiro Jesus!
Estabelecida e fundada sobre o próprio Jesus, a Pedra angular, O seu Fundamento!
Veja que biblicamente, a igreja foi estabelecida sobre Jesus, O Cristo, e não sobre Pedro, o apóstolo...
Entretanto, o diabo, ao longo dos tempos, embora conhecedor da verdade, tornou-se "distorcedor" da verdade, embora impedido de ter controle sobre ela.
Afinal,  a verdade é A Palavra do próprio Deus!
Mas, pela sedução que lança sobre a humanidade, semeia mentiras misturadas com a verdade, como tratei em um postanterior, que também ministrei na igreja, e, se preferir, assista, gratuitamente, em nosso canal do canal do YouTube clicando aqui.
Assim, quando a verdade misturada com a mentira “não funciona”, justamente por que está misturada com a mentira, leva pessoas a abandonarem a fé, pois passam a ser assolados e posteriormente controlados pela dúvida.
E “sem fé, é impossível agradar a Deus”, como lemos em Hebreus 11:6.
E isso acontece por que creram no evangelho errado.
Não o Evangelho verdadeiro, que não é o das religiões, nem da própria dita religião evangélica...
Mas sim, O evangelho verdadeiro é o de Jesus, O Cristo, segundo A Palavra do próprio Deus...
Este foi o entendimento até mesmo com um certo senso de urgência que entrou em meu coração na palavra que publiquei no Blog, uma semana atrás.
Assim, ali, acima, você vai encontrar o vídeo da palavra que preguei domingo dia 20 de janeiro na igreja.
E este texto de hoje, é o esboço da palavra que preguei hoje, dia 27, também na igreja, que é como que uma continuação daquele.
Tão logo o vídeo esteja disponível no canal YouTube, vou publicar aqui.
Se Deus assim permitir, este será um conteúdo no qual pretendo investir um bom tempo, tanto nos textos mais voltados a reflexão bíblica que publico aqui no Blog, em um contraponto com os eventos mais apocalípticos que vem ocorrendo, como também desejo tratar nas próximas oportunidades de estar no Púlpito, quando O Senhor assim permitir.
Será objeto também de um conteúdo mais continuado nas reuniões do Vinho Novo, que retornam nesta próxima quinta feira, dia 31 de janeiro, as 20 H, a qual você poderá acompanhar ao vivo neste link ou pode assistir depois, a qualquer hora, acessando pelo mesmo link.
Este será o meu conteúdo por um bom tempo, por que estou me sentindo bastante constrangido e inconformado com a forma pela qual não temos pregado Jesus com clareza para as pessoas.
Embora esta forma de pregação nos tenha sido revelada pela Palavra de Deus como uma marca dos últimos dias, dias nos quais vivemos.
Retomando a minha ideia central para este texto, eu digo que cheguei a conclusão que muitos de nós nem mesmo conhecemos o Jesus que dizemos conhecer.
Isso tem acontecido, devido às mentiras tem sido semeadas a respeito dEle, e de Sua Palavra, de Sua identidade, de Sua obra, como tratei no início.
E este fato alcançou tal dimensão que muito cristãos já não conseguem nem mesmo reconhecer o evangelho Verdadeiro para que possam denunciar o falso.
Por não conhecerem a Verdade, aceitam a mentira que parece com a verdade.
A ilustração da nota falsa que usei no texto anterior...
E quando sofrem as consequências oriundas desta falsidade, que nada tem a ver com o Evangelho, culpam a Deus.
Culpam a Jesus.
Ao Espírito Santo.
A Bíblia, a Igreja...
E vão embora...
E a culpa é da igreja.
Nossa.
É de apóstolos, pastores, mestres, evangelistas e profetas...
E de ovelhas...
Por que não investimos tempo para conhecer A Verdade, revelada na Palavra de Deus.
Preferimos receber “pratos prontos” vindos de outros...
Eventualmente, de “ministérios ditos expressivos”, que, se tem multidões porta a dentro, devem estar falando algo que eu ainda não “descobri”...
E se está tendo “sucesso”, preciso por em prática.
Mesmo que seja um pouquinho diferente do que está escrito na Bíblia”...
Afinal, é uma nova revelação, uma nova unção... portanto, não precisa estar, necessariamente escrita...
E muitos ficam reféns do medo.
Medo de pregar o que está escrito, quando, talvez, confronta o que é hoje, aparentemente, o “pensamento cristão dominante”...
Que consegue a proeza de estabelecer um “mercado consumidor gospel” de quase 40 milhões de brasileiros!
Que gera eventos gigantescos, que movimenta milhões de reais, que afeta até mesmo a audiência das novelas da Globo ou as eleições do país...
Mas que não gera uma mudança proporcional efetiva e perceptível na vida do nosso país...
De santidade, arrependimento, transformação de vidas, valores, princípios...
Muito pelo contrário.
E, por este motivo, muitas pessoas se tornam presas do “engano”, como estou tratando aqui.
E quando as promessas vazias associadas equivocadamente ao evangelho não se cumprem, estas pessoas deixam as igrejas e deixam este evangelho.
Pensando que estão deixando O Evangelho.
Temos tido a tragédia de perceber a existência de ex-evangélicos.
Misericórdia...
Que nunca conheceram a Jesus O Cristo, mas, sim, a um “delirante evangelho de auto ajuda de prosperidade de ufanismo vitorioso herético”.
Que não prega arrependimento de pecados, transformação de vida, regeneração, redenção, confronto com o sistema do mundo, santificação pela Palavra, transformação da mente.
Morte para o mundo, e vida para Deus.
Ou seja, nada a ver com O Verdadeiro!
Estas pessoas frustram-se com o todo, quando lidaram com apenas partes da verdade.
Isso por que nunca conheceram a verdade por inteiro.
Julgaram a mansão pelo rodapé do quarto de despejo.
Posso apresentar um princípio para exemplificar o que estou dizendo:
Muitas igrejas gritam: O diabo vai fugir de nós!
O que é a mais absoluta verdade!
Mas quando?
Quando obedecemos a Palavra de Deus:

"Sujeitai-vos, pois, a Deus; mas resisti ao Diabo, e ele fugirá de vós".
Tiago 4:7

Neste caso, QUANDO respeitadas estas instruções de Deus, na Sua Palavra, o diabo fugirá...
Fugirá não pelo nosso desejo, pela força do nosso grito, "mas por que os anjos do Senhor, espíritos ministradores da parte de Deus para os que hão de herdar a salvação" (Hebreus 11:14), se encarregarão de fazer esta Palavra do próprio Deus, em nossos lábios, se cumprir.
O diabo nunca fugirá por que gritamos, por que ordenamos, nem mesmo quando usamos em vão o Santo Nome do Senhor Jesus, quando não estivermos sujeitos a Deus, e se não resistirmos a ele.
Foi isso o que aconteceu com os filhos de Ceva, um dos principais sacerdotes!

"Ora, também alguns dos exorcistas judeus, ambulantes, tentavam invocar o nome de Jesus sobre os que tinham espíritos malignos, dizendo: Esconjuro-vos por Jesus a quem Paulo prega. E os que faziam isto eram sete filhos de Ceva, judeu, um dos principais sacerdotes. Respondendo, porém, o espírito maligno, disse: A Jesus conheço, e sei quem é Paulo; mas vós, quem sois? Então o homem, no qual estava o espírito maligno, saltando sobre eles, apoderou-se de dois e prevaleceu contra eles, de modo que, nus e feridos, fugiram daquela casa".
Atos 19:13-16

Muitos gritaram com o diabo com sinceridade em seus corações, mas ele não saiu de suas vidas...
Não conheceram a Verdade, não estavam sujeitas a Deus.
Não conheciam o ensino para resistir ao diabo...
Não conheciam nem Jesus, nem Paulo, embora frequentassem igrejas e cultos...
Ficaram desiludidos... e se foram.
Veja a explicação dada quando lemos acerca do poderoso arcanjo Miguel venceu uma batalha com o próprio diabo, que falam a verdade sobre os nossos dias:
 
"Contudo, semelhantemente também estes falsos mestres, sonhando, contaminam a sua carne, rejeitam toda autoridade e blasfemam das dignidades. Mas quando o arcanjo Miguel, discutindo com o Diabo, disputava a respeito do corpo de Moisés, não ousou pronunciar contra ele juízo de maldição, mas disse: O Senhor te repreenda. Estes, porém, blasfemam de tudo o que não entendem; e, naquilo que compreendem de modo natural, como os seres irracionais, mesmo nisso se corrompem. Ai deles! porque foram pelo caminho de Caim, e por amor do lucro se atiraram ao erro de Balaão, e pereceram na rebelião de Coré. Estes são os escolhidos em vossos ágapes, quando se banqueteiam convosco, pastores que se apascentam a si mesmos sem temor; são nuvens sem água, levadas pelos ventos; são árvores sem folhas nem fruto, duas vezes mortas, desarraigadas; ondas furiosas do mar, espumando as suas próprias torpezas, estrelas errantes, para as quais tem sido reservado para sempre o negrume das trevas. Para estes também profetizou Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que veio o Senhor com os seus milhares de santos, para executar juízo sobre todos e convencer a todos os ímpios de todas as obras de impiedade, que impiamente cometeram, e de todas as duras palavras que ímpios pecadores contra ele proferiram".
Judas 8-19

Sim, a explicação é que os que ensinam não entendem nada por que nem tem vida espiritual.
Conhecem apenas de modo natural...
Seres irracionais...
Corrompidos...
Pastores que se apascentam a si mesmos sem temor...
E assim entendemos um pouco mais como a mentira se mistura com a verdade.
Precisamos conhecer a verdade para identificarmos a mentira.
Segundo a Palavra de Deus.
Segundo o Espírito Santo de Deus.
Pelos poderosos Sangue e Nome de Jesus O Cristo.
Precisamos em primeiro lugar, conhecer tudo o que a Bíblia diz acerca de Jesus.
Gastar tempo nisso.
Aprofundar.
Vamos ver alguns pontos sobre Jesus, e comparar com nossa própria vida.
Aliás, pergunto: Quem é Jesus para você?
E pergunto com mais ênfase ainda, se você se confessa um cristão, seguidor de Jesus...
Sim... você...
Sabe mesmo expressar sua fé?
Sabe mesmo quem é Jesus?
Sabe mesmo em que crê?
Ou se alguém apresentar ou comparar Jesus como o fundador do cristianismo, um profeta, um maitréya da era de aquários, um buda, um xamã, um produto de marketing da riqueza do Vaticano, você vai concordar?
Vai ficar na dúvida?
Repito a pergunta... Você sabe quem é Jesus?
Vamos ler textos bíblicos, única Fonte para nos apresentar Jesus, O Cristo, O Verdadeiro:

"Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, nestes últimos dias a nós nos falou pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas, e por quem fez também o mundo; sendo ele o resplendor da sua glória e a expressa imagem do seu Ser, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo ele mesmo feito a purificação dos pecados, assentou-se à direita da Majestade nas alturas, feito tanto mais excelente do que os anjos, quanto herdou mais excelente nome do que eles".
Hebreus 1:1-4

A palavra grega para a expressão imagem usada aqui, é, segundo o comentarista Strong em sua anotação G5481, é χαρακτήρ, pronunciada khar-ak-tar', que veio a dar nossa conhecida palavra caráter.
Se você investir um tempo para estudar isso, vai encontrar na internet, (se você fala inglês ou espanhol), estas anotações para conferir o que publico aqui, verá que a palavra caráter, usada aqui, significa algo formado por um processo dolorido, como uma escultura se a pedra sentisse dor, que vai gerar uma representação exata, uma réplica, mas que será gerada pelo ato de esculpir, raspar, lixar...
Mas prosseguindo nos significados possíveis, veremos que este processo contribuirá para que se estabeleça uma proteção, cerca ou trincheira, no sentido militar da ideia. Um monte! Um processo sendo marcado ou mesmo escrito...
Veja que tremendo...
O sofrimento de Jesus para que nEle fosse formada a expressa imagem do Pai, entre tantos aspectos da Sua obra relatada neste pequeno texto de quatro versículos nos leva a entender um pouco mais da Sua obra.
Ele SE tornou uma expressão exata de Deus Pai, um Monte, uma Proteção, Segurança!
O processo foi dolorido para estabelecer este caráter...
Mas entendemos melhor aqui Quem Ele se tornou, enquanto homem, ou seja, reconhecido em figura humana, embora fosse Deus.
E ainda mais:

"Assim também Cristo não se glorificou a si mesmo, para se fazer sumo sacerdote, mas o glorificou aquele que lhe disse: Tu és meu Filho, hoje te gerei; como também em outro lugar diz: Tu és sacerdote para sempre, segundo a ordem de Melquisedeque. O qual nos dias da sua carne, tendo oferecido, com grande clamor e lágrimas, orações e súplicas ao que podia livrar da morte, e tendo sido ouvido por causa da sua reverência, ainda que era Filho, aprendeu a obediência por meio daquilo que sofreu; e, tendo sido aperfeiçoado, veio a ser autor de eterna salvação para todos os que lhe obedecem, sendo por Deus chamado sumo sacerdote, segundo a ordem de Melquisedeque".
Hebreus 5:5-10

Poderia investir ainda mais tempo aqui, e se Deus quiser, no futuro, o farei...
Mas por que Jesus Se sujeitou, obedeceu, sofreu, se esvaziou, Ele conquistou Sua atual posição, mas recebeu tudo o que conquistou das mãos do próprio Deus...
Não foi simples, não foi fácil, mas foi e é Glorioso!
Vamos ver isso comparando três textos, sendo o primeiro o que já lemos no início:

"Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, nestes últimos dias a nós nos falou pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas, e por quem fez também o mundo; sendo ele o resplendor da sua glória e a expressa imagem do seu Ser, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo ele mesmo feito a purificação dos pecados, (1) assentou-se à direita da Majestade nas alturas, (3) feito tanto mais excelente do que os anjos, quanto (2) herdou mais excelente nome do que eles".
Hebreus 1:1-4
 
"Por isso também eu, tendo ouvido falar da fé que entre vós há no Senhor Jesus e do vosso amor para com todos os santos, não cesso de dar graças por vós, lembrando-me de vós nas minhas orações, para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê o espírito de sabedoria e de revelação no pleno conhecimento dele; sendo iluminados os olhos do vosso coração, (1) para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos, e qual a suprema grandeza do seu poder para conosco, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder, que operou em Cristo, ressuscitando-o dentre os mortos e fazendo-o sentar-se à sua direita nos céus, (3) muito acima de todo principado, e autoridade, e poder, e domínio, e de todo nome que se nomeia, não só neste século, mas também no vindouro; e sujeitou todas as coisas debaixo dos seus pés, e para ser cabeça sobre todas as coisas o deu à igreja, que é o seu corpo, o complemento daquele que cumpre tudo em todas as coisas".
Efésios 1:15-23

"Pelo que também Deus o exaltou soberanamente, e (2) lhe deu o nome que é sobre todo nome; para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é Senhor, para glória de Deus Pai".
Filipenses 2:9-11

Se você comparar os itens que marquei como 1, 2 e 3, verá que sim, Jesus conquistou estas coisas, conforme relato em Hebreus, mas, comparando com os textos de Efésios e Filipenses seguindo os números 1, 2 e 3,, veremos que O próprio Deus Se encarregou de cumprir tudo e, sim, fez mais do que Jesus conquistou...
Diante disso, com respeito a Jesus pergunto...
Você sabe mesmo Quem é Jesus?
Já tinha lido estes textos?
Tinha comparado?
Por que isso é importante?
Por que vou fazer a segunda pergunta depois disso...
Acompanhe comigo, por favor...
SE você realmente se converteu, então algo como o relatado abaixo aconteceu em sua vida:

"Contudo, convertendo-se um deles ao Senhor, é-lhe tirado o véu. Ora, o Senhor é o Espírito; e onde está o Espírito do Senhor aí há liberdade. Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor".
II Coríntios 3:16-18

E comparando com a sequencia do mesmo texto de Hebreus 5 que lemos:
 
"Sobre isso temos muito que dizer, mas de difícil interpretação, porquanto vos tornastes tardios em ouvir. Porque, devendo já ser mestres em razão do tempo, ainda necessitais de que se vos torne a ensinar os princípios elementares dos oráculos de Deus, e vos haveis feito tais que precisais de leite, e não de alimento sólido. Ora, qualquer que se alimenta de leite é inexperiente na palavra da justiça, pois é criança; mas o alimento sólido é para os adultos, os quais têm, pela prática, as faculdades exercitadas para discernir tanto o bem como o mal."
Hebreus 5:11-14

Você conhece Jesus há quanto tempo?
Cresceu quanto?
Conhece o que?
Já é mestre na Palavra ou ainda precisa de leitinho?
O, em vez disso, busca a atenção do "ídolo gospel" a quem segue?
O leitinho que você está recebendo é bom, ou é misturado por alguém que quer manter você neste estado de inanição, na verdade, na ignorância espiritual, para continuar a ser uma presa fácil da mentira?
Você sabe discernir o que recebe de alimento, ou é uma paráfrase espiritual daquelas tragédias que vemos nos noticiários sensacionalistas, quando nos apresentam casos de bebês maltratados por aqueles que deveriam deles cuidar?
Pessoas inescrupulosas que judiam de bebês indefesos?
Sim, isso tem acontecido em nossos dias, e é uma tragédia...
Mas também se repete na figura de líderes espirituais que não querem que as ovelhas do rebanho cresçam, mas permaneçam bebendo o “leite falsificado” que “vendem”, para que nunca os deixem...
E que continuem pagando o carnê...
Mas como estamos neste caso estamos falando de bebês espirituais, que não são bebês físicos, tais pessoas quando depois de certo tempo percebem o “jogo”, o “engano” e a “exploração”, abandonam não estes falsificadores apenas, mas, muitas vezes, o próprio Evangelho...
Que, provavelmente, nunca conheceram...
Como se isso o que vivenciaram fosse o Evangelho de Jesus...
Quando não é.
Voltando para Filipenses...
Minha pergunta para concluir hoje é:
Qual é o seu diagnóstico acerca da sua própria situação?
Se percebeu que não sabe quem é Jesus, é tempo de investir tempo.
Por que em breve, como você já deve ter lido aqui neste Blog em outros conteúdos, Ele vai voltar.
E vem para julgar.
Para tomar os que são Seus...
Espero que você e eu estejamos neste grupo...
Concluindo...
SE você não conhece Jesus, terei o maior prazer em ajudar...
SE você é uma destas pessoas que está em uma igreja que não prega a Bíblia, é tempo de parar de ser enganado, para procurar uma igreja evangélica que prega o genuíno texto revelado pelo Espírito Santo de Deus.
Não perca mais tempo sendo enganado, sendo reduzido apenas ao papel de um “sócio contribuinte”, ou "ovelha contribuinte" financiador de projetos megalomaníacos que em nada se parecem com o que Jesus e seus discípulos fizeram, ensinaram e pregaram conforme registrado na Bíblia.
Para isso, não é necessário que você faça nada demais...
Apenas leia sua Bíblia, de Mateus até o fim de Atos, pelo menos, ou, em um trabalho mais completo, veja o que Paulo ensina sobre como é liderada uma igreja, e compare com o que vê ao seu redor nos domingos...
O que é ensinado...
O que é explicado...
Ou, e principalmente, o que é vivido.
SE não combinar com as Escrituras, caia fora!
Mas não do evangelho...
Apenas deste endereço ,que não serve, por que não serve a Deus.
Procure outro, que melhor combine com o que está escrito...
SE você é dos que entenderam o que estou dizendo...
Meu convite para você é outro...
Siga a profecia de Daniel:

"Os que forem sábios, pois, resplandecerão como o fulgor do firmamento; e os que converterem a muitos para a justiça, como as estrelas sempre e eternamente".
Daniel 12:3

Esta palavra de Daniel é um texto para os últimos dias.
Ou seja, é um texto para hoje.
Para você e para mim.
Em que ponto você está?
Quem é Jesus para você?
Hoje é o dia de tomarmos uma posição definitiva.
De mudança...
Por que não há mais tempo.

Deus abençoe,

SHALOM!
 
Haroldo Maranhão

Se você foi ofendido em algum ministério... machucado por algum pastor...
Ou por algum familiar, amigo, quem quer que seja...
Para você há um texto especial no Blog do Vinho Novo, escrito pela Fúlvia...
Clique aqui: O poder do perdão...
Tenho certeza que vai ser bênção em sua vida...

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

O JUÍZO COMEÇA PELA CASA DE DEUS (I PEDRO 4:17)


Um movimento ardiloso está em curso diante de nossos olhos.
Dia após dia.
Manchete após manchete.
A arte de levar pastores e ministros evangélicos ao descrédito, ao ridículo, ao vexame, está em curso, de uma maneira sem precedentes.
Culpa de quem?
No centro do palco nos encontramos, em meio a uma fantástica indústria cruel de comunicação!
De um lado, infiltração, denúncias, julgamentos sumários sem direito a defesa, acusações sem provas, danos irreparáveis estabelecidos.
De outro lado, pecados, carnalidades, mau testemunho, má versação de dinheiro ministerial, síndrome da ilha de caras gospel, negócios e empresas criados com dinheiro não tributado de igrejas isentas de impostos para a livre pregação do evangelho, que não é pregado.
Por este motivo, um justo clamor se levanta na sociedade para que leis sejam mudadas.
Clamor gerado por interessados em causas justas, em meio a perseguidores oportunistas camuflados.
Ambos juntos, falando as mesmas coisas...
Usando os mesmos justos argumentos.
Lutando à luz do dia, pelo que justo...
Lutando a partir das trevas, pelo injusto.
Joio e trigo fora de contexto...
Como discordar do que é injusto quando se é necessário se concordar com o que é justo?
Como considerar injusta perseguição o que é justiça?
Como considerar justa perseguição o que é injustiça?
O que fazer?
Pastores e líderes que precisam ser defendidos, preservados, cobertos de oração para serem fortalecidos em meio a lutas espirituais insanas, são confundidos e misturados com falsos pastores e falsos líderes que precisam ser denunciados e demitidos.
Afastados.
Destituídos.
Disciplinados.
Mas não o são por que governam.
Se o fossem, deveriam o ser apenas segundo a Bíblia, não segundo as leis de nossa nação.
Mas se isso é o justo, o que fazer?
Discussões doutrinárias, disciplinas eclesiásticas, assuntos internos da vida da igreja tornam-se manchetes, discussões e debates conduzidos por ímpios.
Que nada entendem, mas se assentam na cadeira de juiz.
Por estarem estabelecidos em posições que lhes permitem o ser.
Comunicadores, jornalistas, comentaristas e especialistas das mais variadas áreas e dos mais diversos credos, das mais diversas orientações, não perdem a ocasião para explorar e expor as nossas mazelas.
Muitos deles, trilhando a ética, com a justa crítica.
Outros, de diversas matizes, imersos em pecados e dissoluções, aliviando-se por expurgarem suas culpas, pautando críticas humilhantes a líderes que deveriam ser representantes do próprio Deus.
Suavizando assim, suas próprias consciências...
“Afinal, se líderes de Deus assim procedem, estou justificado”...
E também questões intramuros, que deveriam ser discutidas internamente, á luz da Palavra em Mateus, são trazidas aos juízes da terra, contrariando o princípio da Palavra de Deus, segundo Paulo aos Coríntios.
Apóstolos e pastores que tem acesso a suas emissoras de TV, a seus programas de TV, a suas rádios e jornais e revistas, os seus impérios de comunicação, fazem suas defesas com acusações aos adversários em Rede Nacional.
Expondo ainda mais os “intestinos” deste falso evangelho...
Defendem-se, acusando.
Protegem-se de difamações, difamando.
Denunciando.
Muitas vezes sem provas...
Outras, com provas, mas sem oferecer ou negociar o direito a defesa.
Sem direito ao princípio do contraditório.
Mais que um embate teológico, uma briga por "mercado".
E o evangelho desce à sarjeta.
Contrariam o princípio de bíblico de soluções de contendas entre supostos irmãos, conteúdo do evangelho que supostamente pregam.
E fazem tudo isso, supostamente, ”em Nome de Jesus”.
Mas muitos se tornam hoje alvo ou vidraça, após exercerem antes o papel de tijolos...
Até conseguir um “lugar ao sol”.
E outros, se põem na posição de acusação, em defesa da fé, mas, eventualmente, na verdade, buscando alguma notoriedade ao condenar os visíveis para ganhar visibilidade.
Tudo por quinze minutos de fama GeorgeOrwelianos.
Agora, inclusive, tão logo seja possível, na Globo.
E aqui, provavelmente, alguns me acusarão de fazer o mesmo.
E justamente por isso me incluo, e generalizo, e não fulanizo.
Sem identificações, nem carapuças.
Aquele que não tem pecado, que atire a primeira pedra.
E o evangelho perde.
E as almas se vão.
E as ovelhas se confundem e se dispersam.
E os pecadores se justificam.
E o diabo ri.
E o Espírito Santo se entristece.
Crentes carnais, fracos na fé, que nada sabem, nada entendem, criticam, zombam e se justificam, escondendo-se atrás do erro dos líderes.
Incrédulos, perdidos, se afastam da verdade da mensagem da cruz de Jesus, ao confundirem esta mensagem com todas as outras.
Por que em meio à confusão exposta pela atitude destes, não o evangelho de Jesus, esta falsa mensagem que é apresentada, em nada diverge das demais.
Confundem-se por que veem tudo isso no horário nobre da TV.
Nos programas "evangélicos".
Nas páginas policiais.
Que evangelho estamos pregando?
Que evangelho estamos vivendo?
Quem somos nós?
E a apostasia vem...
E os dias vão.
E está passando a sega, e já finda o verão, e muitos não estão salvos.
E muitos líderes nem entram, e nem deixam o povo entrar.
E caminham quilômetros, agora via satélite. para fazerem um prosélito, e o transformam em filho do inferno pior que antes...
E a profecia se cumpre.
E os dias findam.
E o azeite acaba.
E as lâmpadas se apagam.
“Miseráveis, pobres, cegos e nus”...


Haroldo Maranhão

 

Textos bíblicos na íntegra, para seu estudo, dos fundamentos desta triste reflexão:

II Pedro 2:1-22

Mas houve também entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá falsos mestres, os quais introduzirão encobertamente heresias destruidoras, negando até o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição. E muitos seguirão as suas dissoluções, e por causa deles será blasfemado o caminho da verdade; também, movidos pela ganância, e com palavras fingidas, eles farão de vós negócio; a condenação dos quais já de largo tempo não tarda e a sua destruição não dormita. Porque se Deus não poupou a anjos quando pecaram, mas lançou-os no inferno, e os entregou aos abismos da escuridão, reservando-os para o juízo; se não poupou ao mundo antigo, embora preservasse a Noé, pregador da justiça, com mais sete pessoas, ao trazer o dilúvio sobre o mundo dos ímpios; se, reduzindo a cinza as cidades de Sodoma e Gomorra, condenou-as à destruição, havendo-as posto para exemplo aos que vivessem impiamente; e se livrou ao justo Ló, atribulado pela vida dissoluta daqueles perversos (porque este justo, habitando entre eles, por ver e ouvir, afligia todos os dias a sua alma justa com as injustas obras deles); também sabe o Senhor livrar da tentação os piedosos, e reservar para o dia do juízo os injustos, que já estão sendo castigados; especialmente aqueles que, seguindo a carne, andam em imundas concupiscências, e desprezam toda autoridade. Atrevidos, arrogantes, não receiam blasfemar das dignidades, enquanto que os anjos, embora maiores em força e poder, não pronunciam contra eles juízo blasfemo diante do Senhor. Mas estes, como criaturas irracionais, por natureza feitas para serem presas e mortas, blasfemando do que não entendem, perecerão na sua corrupção, recebendo a paga da sua injustiça; pois que tais homens têm prazer em deleites à luz do dia; nódoas são eles e máculas, deleitando-se em suas dissimulações, quando se banqueteiam convosco; tendo os olhos cheios de adultério e insaciáveis no pecar; engodando as almas inconstantes, tendo um coração exercitado na ganância, filhos de maldição; os quais, deixando o caminho direito, desviaram-se, tendo seguido o caminho de Balaão, filho de Beor, que amou o prêmio da injustiça, mas que foi repreendido pela sua própria transgressão: um mudo jumento, falando com voz humana, impediu a loucura do profeta. Estes são fontes sem água, névoas levadas por uma tempestade, para os quais está reservado o negrume das trevas. Porque, falando palavras arrogantes de vaidade, nas concupiscências da carne engodam com dissoluções aqueles que mal estão escapando aos que vivem no erro; prometendo-lhes liberdade, quando eles mesmos são escravos da corrupção; porque de quem um homem é vencido, do mesmo é feito escravo. Porquanto se, depois de terem escapado das corrupções do mundo pelo pleno conhecimento do Senhor e Salvador Jesus Cristo, ficam de novo envolvidos nelas e vencidos, tornou-se-lhes o último estado pior que o primeiro. Porque melhor lhes fora não terem conhecido o caminho da justiça, do que, conhecendo-o, desviarem-se do santo mandamento que lhes fora dado. Deste modo sobreveio-lhes o que diz este provérbio verdadeiro; Volta o cão ao seu vômito, e a porca lavada volta a revolver-se no lamaçal.

 
Mateus 5:38-41

Ouvistes que foi dito: Olho por olho, e dente por dente. Eu, porém, vos digo que não resistais ao homem mau; mas a qualquer que te bater na face direita, oferece-lhe também a outra; e ao que quiser pleitear contigo, e tirar-te a túnica, larga-lhe também a capa; e, se qualquer te obrigar a caminhar mil passos, vai com ele dois mil.


Mateus 18:15 - 17

Ora, se teu irmão pecar, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, terás ganho teu irmão; mas se não te ouvir, leva ainda contigo um ou dois, para que pela boca de duas ou três testemunhas toda palavra seja confirmada. Se recusar ouvi-los, dize-o à igreja; e, se também recusar ouvir a igreja, considera-o como gentio e publicano.


Mateus 7:1-6

Não julgueis, para que não sejais julgados. Porque com o juízo com que julgais, sereis julgados; e com a medida com que medis vos medirão a vós. E por que vês o argueiro no olho do teu irmão, e não reparas na trave que está no teu olho? Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, quando tens a trave no teu? Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu olho; e então verás bem para tirar o argueiro do olho do teu irmão. Não deis aos cães o que é santo, nem lanceis aos porcos as vossas pérolas, para não acontecer que as calquem aos pés e, voltando-se, vos despedacem.


I Coríntios 6:1-8

Ousa algum de vós, tendo uma queixa contra outro, ir a juízo perante os injustos, e não perante os santos? Ou não sabeis vós que os santos hão de julgar o mundo? Ora, se o mundo há de ser julgado por vós, sois porventura indignos de julgar as coisas mínimas? Não sabeis vós que havemos de julgar os anjos? Quanto mais as coisas pertencentes a esta vida? Então, se tiverdes negócios em juízo, pertencentes a esta vida, constituís como juízes deles os que são de menos estima na igreja? Para vos envergonhar o digo. Será que não há entre vós sequer um sábio, que possa julgar entre seus irmãos? Mas vai um irmão a juízo contra outro irmão, e isto perante incrédulos? Na verdade já é uma completa derrota para vós o terdes demandadas uns contra os outros. Por que não sofreis antes a injustiça? Por que não sofreis antes a fraude? Mas vós mesmos é que fazeis injustiça e defraudais; e isto a irmãos.


Mateus 23:15

Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! Porque percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o tornais duas vezes mais filho do inferno do que vós.


Mateus 23:13

Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque fechais aos homens o reino dos céus; pois nem vós entrais, nem aos que entrariam permitis entrar.
 
Jeremias 8:20
 
Passou a sega, findou o verão, e nós não estamos salvos.