segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

3 PAUTAS DO VATICANO PARA O APOCALIPSE


Bem amigos do BLOG!
Acabo de ficar sabendo de três movimentos ligados ao Vaticano que tem total conexão com os últimos dias, por diversos motivos.
Fico impressionado com as possibilidades que vão se apresentando diante de nossos olhos a cada dia, que, se cumpridas, apontam para a definitiva sequência bíblica dos últimos dias.
Veja comigo estas possibilidades:

1. O Cardeal Jean-Louis Tauran, chefe do Conselho do Vaticano para Diálogo Interreligioso declarou que o processo de paz no Oriente Médio passa pela questão dos lugares sagrados de Jerusalém.
A notícia completa está no site de notícias Arutz Sheva 7, em inglês.
E mais!
Pediu para que alguns destes lugares santos fiquem debaixo da autoridade do Vaticano, referenciando especificamente o Cenáculo no Monte Sião e o Jardim do Getsêmane, no pé do Monte das Oliveiras.
Um movimento do Vaticano nesta direção, irá chegar, com certeza, na questão profética do Monte do Templo, que é a mais importante, profética e conflituosa situação em Jerusalém.
Vamos acompanhar.

2. A saúde do Papa Bento XVI vai degradando a olhos vistos.
Interlocutores falam da sua dificuldade em conectar com os assuntos da conversa. Claro que para um senhor de 85 anos, a saúde degradar é algo normal. Esperado, até. Principalmente, levando-se em consideração a responsabilidade deste senhor.
O que nos afeta, neste momento, é a questão de se ele vai renunciar, como é permitido pela lei papal do Vaticano, ou se ele não terá mais muito tempo de vida pela frente.
Trata-se de mais um tema a observar.. principalmente pelo fato de que, no caso de um novo Conclave, teríamos a chegada ao poder na Igreja Católica de, supostamente, Petrus, o Romano...
Assunto que tratei, considerando a famosa profecia de São Malaquias, que eu publiquei na íntegra neste post no ano passado.
Vamos acompanhar, também!

3. E, para fechar com chave de ouro, o Papa declarou ao site Catholic News Agency a sua interpretação acerca do texto de Apocalipse 12, que a mulher seria Maria.
Obviamente, os que temos uma visão da Palavra diferente daquela que a Igreja Católica professa, vamos divergir, mas, quando o Papa coloca Maria no cenário profético dos últimos dias, é mais uma voz sinalizando que estamos em um momento de convergência de opiniões.
E praticamente todas concordam que estamos nos últimos dias.

Se isso for verdade, você está preparado?
Veja os Sinais...

SHALOM!

Haroldo Maranhão

Nenhum comentário:

Postar um comentário